Informação da revista
Partilhar
Partilhar
Baixar PDF
Mais opções do artigo
Acesso de texto completo
Pre-proof, online em 25 de abril de 2024
Comparison of the accuracy of four diagnostic prediction rules for pulmonary embolism in patients admitted to the emergency department
Comparação da acuidade diagnóstica de quatro regras de predição clínica para o diagnóstico de embolia pulmonar em doentes admitidos no Serviço de Urgência
Visitas
165
Beatriz Valente Silva1,
Autor para correspondência
beatrizsilvaee@gmail.com

Corresponding author.
, Cláudia Jorge1, Rui Plácido1, Miguel Nobre Menezes1, Carlos Mendonça2, Maria Luísa Urbano2, Joana Rigueira1, Ana G. Almeida1, Fausto J. Pinto1
1 Cardiology Department, Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte, CAML, CCUL, Faculdade de Medicina, Universidade de Lisboa, Lisboa, Portugal
2 Radiology Department, Centro Hospitalar Universitário Lisboa Norte, Lisboa, Portugal
Este item recebeu
Informação do artigo
Abstract

Introduction and Objectives: Ruling out pulmonary embolism (PE) through a combination of clinical assessment and D-dimer level can potentially avoid excessive use of computed tomography pulmonary angiography (CTPA). We aimed to compare the diagnostic accuracy of the standard approach based on the Wells and Geneva scores combined with a standard D-dimer cut-off (500 ng/ml), with three alternative strategies (age-adjusted and the YEARS and PEGeD algorithms) in patients admitted to the emergency department (ED) with suspected PE.

Methods: Consecutive outpatients admitted to the ED who underwent CTPA due to suspected PE were retrospectively assessed. Sensitivity, specificity, positive and negative predictive values, likelihood ratios and diagnostic odds ratios were calculated and compared between the different diagnostic prediction rules.

Results: We included 1402 patients (mean age 69±18 years, 54% female), and PE was confirmed in 25%. Compared to the standard approach (p<0.001), an age-adjusted strategy increased specificity with a non-significant decrease in sensitivity only in patients older than 70 years. Compared to the standard and age-adjusted approaches, the YEARS and PEGeD algorithms had the highest specificity across all ages, but were associated with a significant decrease in sensitivity (p<0.001), particularly in patients aged under 60 years (sensitivity of 81% in patients aged between 51 and 60 years).

Conclusion: Compared to the standard approach, all algorithms were associated with increased specificity. The age-adjusted strategy was the only one not associated with a significant decrease in sensitivity compared to the standard approach, enabling CTPA requests to be reduced safely.

Keywords:
Pulmonary embolism
D-dimer
Computed tomography pulmonary angiography
Resumo

Introdução e objetivos: A exclusão da embolia pulmonar (EP) através da avaliação da probabilidade clínica conjugada com o doseamento dos D-dímeros pode evitar o uso excessivo da tomografia computorizada com angiografia pulmonar (AngioTC pulmonar). Este estudo comparou a perfomance diagnóstica da abordagem clássica (baseada na avaliação da probabilidade pré-teste pelo score de Wells e Geneva combinada com um cut-off de D-dímeros fixo) com três estratégias alternativas (cut-off de D-dímeros ajustado à idade, algoritmo YEARS e PEGeD) em doentes admitidos no Serviço de Urgência (SU) com suspeita de EP.

Métodos: Foram avaliados retrospetivamente doentes admitidos no SU submetidos a angioTC pulmonar por suspeita de EP. Foi comparada a performance diagnóstica das regras de predição clínica.

Resultados: Incluíram-se 1402 doentes (idade média 69 ± 18 anos, 54% mulheres), tendo sido a EP confirmada em 25%. Comparativamente com a abordagem clássica (p<0.001), o uso de um cut-off de D-dímeros ajustado à idade associou-se a aumento da especificidade, com redução não significativa da sensibilidade apenas em doentes com idade superior a 70 anos. A abordagem baseada nos algoritmos YEARS e PEGeD é a que se associa a maior especificidade em todas as idades, e a redução significativa da sensibilidade (p<0,001), particularmente nos doentes com idade inferior a 60 anos (sensibilidade de 81% em doentes com idade entre 51 e 60 anos).

Conclusão: Comparativamente com a abordagem clássica, os algoritmos alternativos têm maior especificidade. O uso do cut-off de D-dímeros ajustado à idade é a única estratégia não associada a redução significativa da sensibilidade.

Palavras-Chave:
Embolia pulmonar
D-dímeros
Tomografia computorizada
AngioTC torácica
O texto completo está disponível em PDF
Idiomas
Revista Portuguesa de Cardiologia
Opções de artigo
Ferramentas
en pt

Are you a health professional able to prescribe or dispense drugs?

Você é um profissional de saúde habilitado a prescrever ou dispensar medicamentos

Ao assinalar que é «Profissional de Saúde», declara conhecer e aceitar que a responsável pelo tratamento dos dados pessoais dos utilizadores da página de internet da Revista Portuguesa de Cardiologia (RPC), é esta entidade, com sede no Campo Grande, n.º 28, 13.º, 1700-093 Lisboa, com os telefones 217 970 685 e 217 817 630, fax 217 931 095 e com o endereço de correio eletrónico revista@spc.pt. Declaro para todos os fins, que assumo inteira responsabilidade pela veracidade e exatidão da afirmação aqui fornecida.